Baixar Torrents com o Túnel Dividido

Torrents com o túnel divididoAlguns provedores de VPN estão adicionando o recurso Split Tunneling (Túnel Dividido) ao seu software, o que pode ser útil em algumas situações. E arquivos torrent? Essa ferramenta é uma vantagem quando se trata de baixar arquivos torrent anonimamente? As opiniões dividem-se e decidimos ir ao fundo da questão para ver se tem algum risco.

O que é o tunelamento dividido VPN

Em primeiro lugar, vamos ver uma breve definição desse recurso, incluído em algumas VPNs. Em palavras simples, esta ferramenta permite que você selecione os programas que serão executados através da VPN. Dessa forma, apenas esses aplicativos serão criptografados. Os aplicativos restantes se conectarão diretamente à Internet. É fácil ver que esse recurso pode ser útil para alguns usuários que querem manter o seu endereço IP verdadeiro quando usam alguns programas. E, ao mesmo tempo, uma conexão criptografada com um IP diferente para outros aplicativos.

O Túnel Dividido é seguro para  Torrents?

Naturalmente, um dos usos mais populares do Split Tunneling é o download de torrents. Em outras palavras, muitos usuários escondem o seu tráfego de torrents através da VPN, enquanto têm uma conexão regular para os programas restantes. E esse é o propósito desse post… Essa forma de baixar torrents é é segura?

Na nossa opinião, o Túnel dividido pode reduzir a privacidade e comprometer o seu anonimato. Como sempre dizemos, você sempre deve ter sua conexão inteira criptografada, e não apenas alguns aplicativos. E este conselho é ainda mais válido se uma das coisas que você faz é baixar  torrents.

A maneira mais comum de pensar para as pessoas que usam esse recurso é: “Enquanto a minha atividade torrent estiver criptografada, estou seguro“. Mas não é exatamente assim. Muitas vezes, esses usuários criptografam o seu software BitTorrent e deixam tudo o resto desprotegido, como por exemplo o navegador.

O que você precisa ter em mente é que, ao usar uma VPN, o seu provedor de serviços de Internet não pode ver a sua atividade ou os seus dados baixados. Isso ocorre porque a VPN criptografa o seu tráfego. Mas há uma coisa que eles podem ver, que é a quantidade de dados baixados. E não há problema se eles sabem o quanto você baixou. Mas se você estiver usando a VPN apenas para seus downloads torrent, eles verão a atividade online desprotegida, como as páginas que visitou através do navegador. Dessa forma, eles terão uma pista do que você estava fazendo.

Exemplo:

O João está baixando um arquivo Torrent, com um tamanho de 4,37 GB. Ele está usando o Túnel Dividido e selecionou apenas o programa uTorrent para ser criptografado pela VPN. Ele não incluiu nenhum outro aplicativo, o que significa que ele usa o seu IP real para outros programas, sem criptografia.

Nesse dia, o provedor de serviços de Internet do João fez um controle da sua atividade. Nessa análise, eles não podiam ver o que o João estava baixando, porque estava protegido pela VPN. Mas tiveram acesso às páginas que ele visitou, porque o João não criptografou o seu navegador. O provedor de Internet viu que ele visitou um site de download de Torrents, e uma das páginas que visitou corresponde a um arquivo de 4,37 GB. Como mencionamos anteriormente, eles não conseguem ver os dados baixados, mas eles vêem o tamanho. Isso é o que o João deseja que eles pensem:

“Esse cara visitou uma página de um arquivo torrent de 4,37 GB e logo depois ele fez um download de um arquivo de 4.37 GB. Que coincidência fantástica!”

Mas todos sabemos que não é o caso. Eles iriam concluir que o João fez estava baixando esse arquivo. E, embora o tamanho do arquivo por si só não seja uma prova de nada, o João está chamando a atenção para ele mesmo.

Tem algum problema se o seu provedor de Internet sabe que você baixa Torrents?

Alguns provedores não gostam de Torrents e podem cancelar a sua conta. Mas, em geral, não há grandes riscos apenas porque o provedor sabe disso. Mas, como sempre, as coisas são um pouco mais complicadas. O problema é que, nos últimos anos, os governos e as agências de direitos autorais estão tentando ter acesso à atividade de todos.

Como você provavelmente já ouviu falar, foram introduzidas leis em alguns países que obrigam os provedores de serviços de Internet a entregar toda a informação dos seus clientes. Alguns provedores vendem essas informações para governos, mesmo em ser obrigados isso. Em outras palavras, essas instituições vão ver o mesmo que o provedor de Internet viu. Eles saberão o que você está fazendo e eles vão ficar de olho em você. Essa é precisamente a intenção oposta de usar uma VPN: deixar essas entidades bem longe.

Conclusão

O objetivo de uma VPN é esconder a sua atividade. Mas, se uma de suas ferramentas der uma sugestão do que você está fazendo, isso pode resultar em comprometer seu anonimato. É assim que vemos o Túnel dividido, parece legal e sofisticado, mas pode ser um “amigo falso”, especialmente quando se trata de Torrents. Ele ajuda algumas entidades a perceber o que você está fazendo.

Se tiver uma situação em que você precisa do seu IP real, simplesmente não faça download de torrents ao mesmo tempo. Nesse caso, desligue a VPN e use o seu IP real. Se o seu problema é que a VPN afeta a sua velocidade, e você usa o Túnel Dividido para manter alguns aplicativos funcionando rapidamente, então talvez seja hora de obter uma VPN mais rápida.

Na nossa opinião, o mais importante é que você criptografe todos os seus dados quando usar uma VPN. Dessa forma aumentará a sua segurança.