Identificado baixando torrents

Como um usuário é identificado compartilhando torrents
O endereço de IP exposto

Se você já explorou as funcionalidades do seu cliente BitTorrent, como por exemplo o uTorrent ou qBitTorrent, então sabe como é fácil identificar quem está partilhando o mesmo arquivo torrent. Como pode ver na seguinte imagem, o endereço de IP de cada usuário está visível, o país dele também. Fica muito fácil de identificar esses usuários. Cada IP está associado com uma pessoa que tem um contrato com um fornecedor de Internet.

E como é que esse processo acontece?

É simples, cada arquivo torrent que você baixa está conectado a um tracker (rastreador). Esse tracker guarda a informação relacionada com o arquivo torrent, como por exemplo o endereço de IP de cada usuário (peer) que tem esse arquivo. E também quais as partes desse arquivo que cada peer possui.

Em outras palavras, o tracker “mostra” ao cliente BitTorrent quais os “peers” que têm o ficheiro completo, quais os que têm as partes que você precisa, e quais os que precisam das partes que você tem. Cada arquivo torrent está dividido em muitas partes, e a função desse tracker é basicamente mostrar para o cliente BitTorrent “quem tem o quê”. É por isso que se chama partilha de arquivos: Você envia algumas partes que os outros não têm, e recebe deles as partes que você ainda não tem.

Todos esses trackers são guardados em um servidor central. E o problema é que esse servidor não está encriptado. Sem proteção, o seu IP é guardado no tracker como um dos “peers” que está a baixar ou a enviar o ficheiro. Qualquer entidade que queira ver a sua atividade vai fazer isso facilmente. Para isso, basta apenas vigiar o tracker. É por isso que é muito importante que você possa baixar torrents sem que o seu endereço de IP apareça nesses trackers.

Até mesmo os usuários podem ver o IP e o país das pessoas que baixam e enviam o mesmo arquivo. Como você pode imaginar, se é fácil para os usuários, é procedimento básico para entidades que tentam monitorar a sua atividade. Depois de obter o seu IP no tracker, eles só têm que associá-lo com o seu endereço físico para obter o seu nome.

Como evitar que o seu IP apareça no tracker?

Para evitar ser rastreado e exposto, uma VPN para compartilhamento de arquivos é provavelmente a melhor solução. Você será capaz de se conectar a um servidor em outro país e alterar seu IP. O tracker identificará o país do seu servidor VPN, bem como o IP desse servidor. Em outras palavras, o país e o IP naquela imagem acima não seriam seus verdadeiros. O mesmo aconteceria com entidades que tentam localizar você e sua atividade. Eles veriam o IP do servidor VPN, vindo de outro país.

Existem outras soluções, mas nenhuma delas é tão completa e segura como uma VPN. Para além de mudar o seu IP, a VPN encripta a sua ligação à Internet, impedindo que alguém possa ver a sua atividade, ou aquilo que você está baixando.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no reddit
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

You might also like:

Conetando o Vuze a uma VPN
Torrents

Como vincular o Vuze a uma VPN

Quando se trata de torrents, a privacidade deve ser uma prioridade. E o cliente de torrents Vuze oferece um recurso exclusivo que permite vinculá-lo a uma VPN e fazer o download ou o upload somente quando houver uma conexão VPN ativa.

Read More »
O Cliente de torrents BitTorrent
Torrents

O Programa BitTorrent

Se você está ligado ao mundo dos torrents, provavelmente já encontrou o BitTorrent em algum momento. Esse protocolo é uma excelente maneira de baixar e compartilhar

Read More »