As Melhores Alternativas do PeerBlock

O PeerBlock tornou-se numa uma opção popular para baixar torrents. O software gratuito alega ajudar a proteger a sua privacidade quando usa um cliente BitTorrent. Infelizmente, o PeerBlock não oferece uma solução completa para downloads anônimos. Além disso, também pode reduzir a sua velocidade.

Se você quiser ocultar a sua atividade de torrents, examine os motivos pelos quais esse software não funciona e decida se deseja correr riscos. Além disso, você também pode rever as melhores alternativas do PeerBlock para obter o anonimato que está procurando.

O que é o PeerBlock?

Originalmente, esse software foi criado para Linux, com o nome Peerguardian. Um pequeno grupo de desenvolvedores criou o PeerBlock para Windows baseado no código do Peerguardian.

O PeerBlock é um firewall de código aberto que bloqueia endereços IP que fazem parte de uma lista negra. Esses IPs vêm de várias listas de bloqueio, ou listas negras, de agências governamentais conhecidas, grupos de monitoramento e agentes maliciosos. O objetivo das listas de bloqueio é impedir que esses grupos monitorem a sua atividade de torrents.

O software é compatível com Windows e funciona com a maioria dos clientes BitTorrent. O software é gratuito, mas algumas das listas negras exigem assinaturas pagas. As listas gratuitas recebem atualizações uma vez por semana e as listas pagas recebem atualizações frequentes.

Depois de instalar o software e configurá-lo, o PeerBlock começa a bloquear os peers com os endereços IP encontrados nas listas de bloqueio.

Exemplo de como o PeerBlock funciona

Para entender melhor como o PeerBlock funciona, aqui está um cenário que mostra todo o processo. E, embora esse exemplo específico seja fictício, é muito semelhante ao que realmente acontece.

  • Passo 1 – Uma agência chamada “Alpha” está monitorando a atividade dos usuários de torrents.
  • Passo 2 – “Alpha ”foi identificado como uma entidade maliciosa.
  • Etapa 3 – O IP de “Alpha” foi adicionado a uma lista de endereços IP bloqueados.
  • Etapa 4 – Os usuários do PeerBlock podem baixar essa nova lista de IPs bloqueados e atualizar o seu software. O endereço IP do “Alpha” está agora sendo bloqueado.

Por que você deve evitar o PeerBlock para baixar torrents?

O bloqueio de IPs de agências governamentais conhecidas, rastreadores de anúncios e usuários mal-intencionados pode oferecer alguma proteção durante o uso de torrents. Mas, existem pontos fracos e desvantagens nesse método que comprometem o anonimato dos usuários.

Entidades de monitoramento podem alterar o seu próprio endereço IP

A desvantagem mais óbvia do PeerBlock é o fato de que essas agências de monitoramento mudam os seus endereços IP quando perceberem que fazem parte de uma lista de bloqueio do PeerBlock. Isso prova que o método de bloqueio de IP não funciona.

Vamos continuar com o nosso exemplo anterior, com os próximos passos de todo o processo:

  • Passo 5 – A agência “Alpha” percebe que o seu endereço IP está em uma lista PeerBlock e está sendo bloqueado.
  • Etapa 6 – “Alfa” muda para um novo endereço IP e inicia o monitoramento novamente. Esse novo IP ainda não está bloqueado.
  • Passo 7 – Depois de algum tempo, o novo IP é identificado como malicioso e também é bloqueado.
  • Passo 8 – “Alpha” muda para um novo IP oura vez.
  • Passo 9 – E assim por diante.

O que você deve ter em mente é que é muito fácil alterar um endereço IP. Os grupos que monitoram a atividade de torrents podem contornar o software mascarando os seus próprios endereços IP ou simplesmente obtendo um novo. Ao fazer isso, eles podem monitorar os usuários do PeerBlock sem problemas.

Nem todas as agências de monitoramento são bloqueadas

Uma agência de monitoramento que não foi bloqueada pelo PeerBlock

Embora as listas de bloqueio removam mais de 25% dos endereços IP, não é possível que as listas bloqueiem todas as agências de monitoramento ou usuários mal-intencionados. As terceiras partes que gerenciam as listas de bloqueio não têm a capacidade de rastrear cada grupo de vigilância ou governo. Naturalmente, alguns grupos passam pelo firewall.

O seu IP e atividade permanecem expostos

Ao bloquear governos e grupos de vigilância, você pode pensar que ninguém está assistindo. No entanto, o PeerBlock não criptografa dados ou oculta o seu endereço IP. Agências de monitoramento que não são bloqueadas podem ver sua atividade facilmente.

O seu provedor de serviços de Internet também tem acesso à sua atividade de torrents. Todo o tráfego é roteado através do seu provedor de Internet sem qualquer criptografia. O seu provedor pode monitorar tudo o que você faz, incluindo os sites que você visita e os arquivos que você baixa através de um cliente BitTorrent.

Bloquear Endereços IP Reduz Pares

O PeerBlock funciona bloqueando endereços IP de listas de bloqueio de terceiros. Infelizmente, bloqueia muitos endereços IP. Ao baixar um arquivo através do BitTorrent, a velocidade depende do número de peers (pares) disponíveis. As listas de bloqueio removem mais de 25% dos endereços IP do mundo.

Enquanto as listas podem se livrar de endereços IP que você não quer assistindo a sua atividade, também remove endereços IP de pares legítimos. Bloquear muitos pares pode resultar em velocidades de download significativamente mais lentas.

Qual é a melhor alternativa do PeerBlock?

Como este bloqueador de IP não o mantém seguro durante downloads de torrent, você pode querer explorar alternativas do PeerBlock, tais como:

  • Serviços de VPN
  • Proxies
  • Seedboxes

Alternativa 1 – Rede Privada Virtual (VPN)

Uma VPN ajuda você a permanecer anônimo durante o processo de torrents (se você selecionar o provedor de VPN correto). Os serviços VPN confiáveis ​ oferecem ferramentas que aumentam muito a sua privacidade. Uma Rede Privada Virtual funciona de uma maneira completamente diferente dos bloqueadores de IP, como o PeerBlock.

PeerBlock vs VPN

Como você sabe, o PeerBlock bloqueia apenas endereços IP. Não faz nada ao seu próprio IP, como alterá-lo ou ocultá-lo. Quando você começar a baixar um torrent, você ainda está visível.

Uma VPN funciona de forma oposta. Não faz nada comos outros IPs, mas vai mudar o seu. Todos os que tentarem seguir você verão um endereço IP falso, localizado em um país da sua escolha. Essa é a melhor maneira de esconder sua identidade.

Outra vantagem da VPN é que ela criptografa a sua conexão com a Internet. Isso significa que absolutamente ninguém verá a sua atividade, nem mesmo o seu provedor de serviços de Internet. Estes são alguns exemplos de VPNs seguras para baixar torrents :

Alternativa 2 – Servidor Proxy

Proxies oferecem uma opção mais acessível em comparação com VPNs, mas a proteção não é tão sólida. Tal como acontece com uma VPN, um proxy permite que você se conecte ao BitTorrent com um endereço IP anônimo. Você também pode usar criptografia para manter a sua atividade oculta do seu provedor de Internet.

A principal diferença é que o proxy criptografará apenas um aplicativo, enquanto a VPN criptografará tudo. Por exemplo, você poderia proteger o seu cliente BitTorrent com um proxy, mas o restante ficaria visível para todos. Isso significa que você estaria navegando em sites de torrent desprotegidos, o que não é muito seguro.

Mas é definitivamente uma opção melhor para torrents do que o PeerBlock, ou qualquer outro tipo de software que bloqueia IPs.

Alternativa # 3 – Seedbox

Com VPNs e proxies, você se conecta a uma rede P2P para baixar um torrent. Um seedbox permite que você evite o software BitTorrent no seu computador. Em vez de se conectar a uma rede P2P, você faz o download de arquivos por meio de um cliente FTP ou do seu navegador.

Seedboxes são servidores dedicados para baixar e semear torrents. As pessoas que gerenciam os seedboxes configuram os servidores em países com leis de retenção de dados limitadas ou inexistentes e não mantêm registros de sua atividade. Quando você paga por um seedbox, obtém acesso a um dos servidores dedicados. Usando a sua parte dos recursos, você pode baixar torrents gratuitamente.

Embora essa opção seja muito mais segura do que o PeerBlock, a maior desvantagem de um seedbox é que seu único uso é quando você está lidando com torrents.

Você também precisará passar pela etapa adicional de transferir o download do arquivo torrent do servidor para o seu computador. Isso significa que o download é feito duas vezes. Finalmente, um seedbox funcionará apenas em torno dos servidores existentes e não poderá lidar com diferentes localizações de servidores. 

É mais seguro usar uma VPN e o PeerBlock simultaneamente?

Se você estiver usando uma ferramenta como uma VPN, o PeerBlock não oferecerá segurança adicional. Se a sua conexão estiver sendo criptografada e o IP visível não for o seu, você não precisa bloquear endereços IP exteriores.

Uma VPN é perfeitamente suficiente para lhe fornecer anonimato. Mas você também deve ter em mente que existem muitos provedores de VPN, e eles têm recursos diferentes. Recomendamos que você escolha uma que permita o uso torrents de forma segura.

Uma alternativa para o PeerBlock é recomendável

O PeerBlock é definitivamente um software feito com boas intenções, não temos dúvidas sobre isso. Mas infelizmente, boas intenções não são suficientes. Qualquer um que tente rastrear sua atividade poderá contornar o nível de segurança oferecido por esse bloqueador de IP.

É importante entender que o PeerBlock fornece um recurso específico: ele bloqueia endereços IP. No entanto, você precisa de alguns recursos de segurança adicionais para permanecer anônimo enquanto baixa torrents.

O que queremos dizer com isso é que o PeerBlock não oferece os recursos necessários para impedir que o seu provedor de Internet (e outros) monitorem o seu uso do BitTorrent. Se você deseja baixar arquivos torrent com segurança, considere usar uma VPN, um proxy ou um seedbox. Na nossa opinião, as VPNs fornecem criptografia superior e acesso a uma seleção mais ampla de servidores.